Tuesday, July 7, 2020
Curiosidade

Como a relação entre Comunicação e Hipnose pode te auxiliar

Como a relação entre Comunicação e Hipnose pode te auxiliar
Como a relação entre Comunicação e Hipnose pode te auxiliar
407views

Já passou por sua mente algo sobre a relação que existe entre hipnose e comunicação, e como isso pode ser uma eficaz ferramenta para o seu desenvolvimento pessoal, emocional e profissional?

Entraves que encontramos para nos comunicarmos com outras pessoas são comuns. Pouca confiança ao falar, obstáculos na comunicação, como baixo controle emocional ou timidez, são alguns dos causadores que podem acometer qualquer um.

Se seu problema é falar em público, ou então tem dificuldades comunicativas em geral e considera se suma importância lidar isso, é bem possível que a hipnoterapia aliada à comunicação poderá te auxiliar.

Quer saber mais? Então mantenha a leitura desse artigo e confira logo abaixo, qual a relação da hipnose com a comunicação, a importância dessa prática e como ela tem se desenvolvido.

Hipnose e comunicação: um trajeto importante na obtenção dos seus objetivos

Em um mundo onde cada vez mais se discute sobre autoconhecimento e clareza na comunicação, não apenas para uma promoção profissional, mas também e sobretudo interpessoal e pessoal, compreender a importância da técnica da hipnose e como ela colabora com a comunicação é primordial.

Para entendermos melhor a ligação entre comunicação e hipnose, é de suma importância termos em mente qual o conceito do termo hipnose.

Existem variantes em relação ao conceito, assim como diferentes linhas. Para LOPES, 2005:

Hipnose é um conjunto de processos fisiológicas e psicológicas empregadas para a mudança gradual da atenção.

Fato é que desde os primórdios da vida humana, achamos determinadas práticas semelhantes e relacionadas ao que reconhecemos como hipnose. Com aplicações na medicina tradicional, bem como em alguns rituais considerados místicos e religiosos, ela achou suas “diretrizes” e foi sistematizada de forma oficial no ano de 1842. Isso em virtude de James Braid – tido como o fundador da hipnose.

Sigmund Freud e Jean-Martin Charcot, no fim do século 19 e início do século 20, foram os culpados pela divulgação do termo.

Se em tempos mais longínquos, porém, a hipnose era vista mais como sendo um misticismo, transpondo-se depois para uma relação terapêutica, com Milton Erickson, hoje em dia a hipnose está ainda mais associada à assertividade da mensagem.

Um excelente exemplo disso é a oratória hipnótica, que engloba diversos temas que otimizam o ato de se comunicar e a maneira com a qual o indivíduo passa sua mensagem.

Benefícios da hipnoterapia para a comunicação

Em algum momento, você já se questionou, sobre as razões que atrapalham a sua comunicação e encurtam seu desenvolvimento e progresso, nas diferentes áreas da sua vida?

A maior parcela dos conflitos na comunicação acontecem por razões como, por exemplo, tom de voz inadequado, ausência de vinculação do olhar, postura imprópria, não está preparado para ouvir críticas e lidar com feedbacks negativos, falta de interesse no interlocutor, bem como a ausência de empatia.

Todos estes tópicos citados anteriormente agem como ruídos que dificultam o convívio social, entre equipes, ocasionando tensão, mal-estar e outros problemas.

Ainda assim, se falarmos na hipnose aplicada aos pontos da comunicação, vamos estar perante de não só uma ferramenta de avanço comunicativo, mas sim em um autêntico combo de respostas aos mais diversos problemas.

Tem por exemplo, numerosos estudos que demonstram como a prática da hipnose pode atuar na solução de ocasiões que causam prejuízo a comunicação e sociabilidade, como, por exemplo:

  • Timidez;
  • Síndrome do pânico;
  • Depressão, e tantas outras aflições.

A hipnoterapia, para além disso, pode agir como uma fonte de autoanálise, oferecendo auxílio para que o ser humano entenda suas crenças limitantes, o pretexto pelo qual essas crenças ocorrem e, assim, habituar-se de maneira mais harmônica com seus problemas comunicativos e, dessa maneira, driblá-los e ainda superá-los.

Algumas benesses que a utilização da hipnoterapia podem causar, no que tange à comunicação, são:

  • Lidar melhor com aquela ansiedade e o medo que várias pessoas experimentam ao falar em público;
  • Desenvolver práticas de improviso;
  • Empoderar-se da ferramenta de rapport e espelhamento;
  • Comunicar-se com convicção e segurança;
  • Capacidade de preparar exibições para plateias de alto impacto;
  • Ter domínio sobre as pernas bambas e a sensação de calafrio na barriga;
  • Melhor controle do corpo, com movimentos apropriados e coordenados;
  • Auto-programação mental, entre outras coisas que produzem ilimitados benesses comunicativas.

Onde encontro um curso de Hipnoterapia?

Para poder aproveitar destes e tantos outros proveitos que a prática da hipnose origina em seu envolvimento com a comunicação, uma excelente opção é investir em um treinamento de Hipnoterapia.

Um treinamento de Hipnoterapia à distância conta com um dos mais completos no assunto, permitindo à fácil acesso aos estudantes, as melhores ferramentas para que eles possam se desenvolver em suas apresentações diante de todos e outras circunstâncias comunicativas em geral.

Quer saber pormenores? Então não perca tempo e nos contate, agora, neste link.

Leave a Response