Curiosidade

Dicas úteis para quem está começando na estética

329views

Para você que é estudante e está finalizando sua estética universitária, seu curso técnico, que ficou 2 ou 3 anos estudando e está cheio de dúvidas, este artigo é para você.

O começo é sempre o mais difícil. Quando o carro gasta mais combustível? quando
nós deixamos isso. Quando o profissional gasta mais energia? No início de sua carreira, quando você precisa construir sua reputação, atrair clientes em estética, montar sua estrutura física, por menor que seja, etc.

Agora vamos às dicas para quem está começando na estética

como ter sucesso com a estética

Dúvidas após o treinamento em estética

Tenha paciência

A primeira sugestão que dou a vocês que está começando, que acaba de ser formada, é ter paciência. Você não constrói uma corrida noturna bem-sucedida para o dia. Uma carreira profissional é uma construção que leva um tempo. É por isso que a importância de fazer o que você gosta, porque é inútil escolher uma profissão apenas pelo dinheiro e depois de algum tempo descobrindo que não é o que te faz feliz. Isso se aplica a qualquer profissão.
É um grande problema quando a pessoa faz o que não gosta, que acaba se tornando um martírio em sua vida, muitas vezes causando danos psicológicos, o que não compensa qualquer sucesso financeiro que possa vir, a não ser a única coisa que Realmente importa se é dinheiro e nada mais.
Agora, para aqueles que amam o que escolhem fazer, eles amam sua profissão, tudo acontece muito rápido, tudo é agradável, e o dinheiro acaba com a consequência do trabalho.

Quanto tempo leva o profissional liberal para construir sua carreira?

Lamento muito dizer a você, mas não há uma resposta imediata a essa pergunta. Quanto tempo vai demorar depende de vários fatores: sua estratégia, seu conhecimento de marketing, orientação de carreira, seu esforço, etc. Não há resposta imediata: em 5 anos sua carreira será consolidada e período, você não tem que saber, e isso é muito óbvio até, mas nós vivemos em uma sociedade onde as pessoas procuram respostas prontas e fabricadas para aliviar sua ansiedade.

Sempre dependerá do profissional, depende de você única e exclusivamente. De sua ética, de sua busca por conhecimento, vontade de aprender, disposição de atender bem o cliente, dar resultados, conhecer marketing, vendas e tudo o que sabemos é importante para construir uma carreira de sucesso.

Invista em ganhar experiência

A segunda sugestão é buscar o ganho de experiência profissional antes de qualquer coisa. Vivemos em um mercado onde as pessoas simplesmente saem da universidade e já querem abrir sua própria clínica. Não há nada de proibitivo nisso, mas é mais viável ganhar experiência primeiro e depois querer abrir uma clínica estética. Dados do SEBRAE apontam que mais de 50% das empresas fecham antes de completar 2 anos de ação. Muitas são as causas e entre elas está a falta de experiência e conhecimento de gestão pelo proprietário da empresa. Sim, para abrir uma empresa, por menor que seja, você precisará de conhecimento de gestão e negócios, marketing e vendas, gestão de pessoas, ou você precisará ter alguém com esse conhecimento, para minimizar os riscos de entrar nas estatísticas catastróficas de empreendedorismo em Brasil

Nenhum mercado é composto por 100% dos empreendedores.

Se todos aqueles que são treinados, querem ter sua própria clínica estética, em breve não teremos mais clínicas. Os doadores de clínicas afirmam não conseguir trabalho, mas a força de trabalho existente não quer estar sujeita a um salário tão baixo, informalidade e carga horária de trabalho além do permitido por lei, como vemos alguns profissionais relatando na internet. O problema é que nem todo mundo tem perfil para ser empreendedor, isso é algo natural, mas por falta de alternativas no mercado, esses profissionais acabam tendo que sair para o próprio negócio, embora em casa ou na casa do cliente.
Por não ter conhecimento de marketing e vendas, a única alternativa que o profissional tem para conseguir clientes é baixar o preço. Abaixando o preço, force que os concorrentes abaixem o preço para competir. Ao baixar o preço, você acaba tendo que reduzir custos, o que muitas vezes afeta a qualidade do serviço, fazendo com que ele caia em qualidade. O cliente percebe isso e acaba procurando outras alternativas, não leal a ninguém, gerando o que eu chamo de ciclo da perda-perda. Todo mundo perde, empreendedores, profissionais e clientes. Serviços baratos sem qualidade, demolir a credibilidade do mercado e lá vai …
Se você é um empreendedor, tem sua clínica de estética, precisa valorizar seus funcionários, com melhores salários, remuneração por comissão, um plano de carreira. Temos que valorizar pessoas, funcionários e clientes. Um empregado nada mais é do que um cliente interno. Não avaliar um empregado está preparando um novo concorrente. Não é que um funcionário valorizado não possa se tornar um concorrente no futuro, mas não o valor, é uma opção que certamente trará grandes problemas para o seu negócio.

Se você é um empregado, precisa dar o seu melhor. Servindo bem ao cliente, dando resultados a ele, orientando-o bem, sendo pontual e responsável, valorizando a empresa onde atua e buscando auxiliar no crescimento do mesmo para que você possa crescer também.

Um ajudando o outro, essa é a ideia, para que todos possam alcançar seus objetivos.

Marketing é primordial para qualquer empresa ou profissional liberal

Uma sugestão importante para consolidar sua carreira é: Aprenda sobre Marketing e Vendas, desenvolva seu marketing pessoal. Um profissional não vive apenas da técnica A técnica é extremamente importante, é claro, mas usando uma analogia para que você entenda melhor: você não faz um bolo de laranja com apenas laranja, precisa de farinha, ovos, rotisserie, entre outras coisas. Então, você não consegue uma carreira de sucesso apenas com técnica. A técnica é primordial, mas você não faz uma carreira de sucesso apenas com ela, você precisa entender marketing, vendas, construir sua rede, relações de valor, entre outras coisas.

Então, para aprender sobre marketing, o mínimo necessário para construir uma carreira vitoriosa, e que ensinou no meu curso de como atrair clientes em estética, que é um curso voltado para o profissional estético, onde vou ensinar como atrair clientes com ele. o uso do Facebook, instagram, como criar um logotipo, um belo cartão de visita, fazer associações para divulgar seu trabalho, atendimento ao cliente, como incentivar o marketing boca-a-boca entre muitas outras coisas.

Dentro da sua profissão, tente trabalhar com o que lhe dá prazer, o que te deixa satisfeito e que você tem potencial para fazer melhor, para encantar o cliente. Por exemplo, se você gosta de trabalhar mais com a estética facial, então especialize-se. Não é que você não possa fazer outras coisas, mas se especializará em algo que tenha potencial para atingir o nível máximo de excelência, e que, posso garantir, é mágico.

Não aceite nada que vá contra os seus princípios ou que possa prejudicar alguém

Outra coisa importante: não aceite fazer nada que não esteja de acordo com seus princípios. Por exemplo, quando vão trabalhar em uma clínica, eles pedem que você faça um procedimento sem o descartável, para usar o aparelho sem registro, para trocar o creme da lata por um inferior. Não aceitar Muitas pessoas reclamam, ahhh porque eu fui forçado a fazer isso ou aquilo, e eu precisava do emprego. Ninguém está preso a nada, e você pode muito bem questionar seu chefe. Existe uma frase que diz: “O que me preocupa não é o choro dos bandidos, mas o silêncio dos mocinhos” atribuído a Martin Luther King,

Ao agir assim, você pode prejudicar outras pessoas, economicamente falando, ou até mesmo no pior dos casos, prejudicando sua saúde e seu estado psicológico. Fale o que está errado, independente do dono, da sua necessidade de trabalhar. Se você faz parte disso, está sendo conivente com a pessoa e com a situação.

Cultive bons relacionamentos e ajude quem você puder ajudar

É uma pessoa de incentivo, que ensina colegas de trabalho, seja diferente, ajude no crescimento de outras pessoas, pois dessa forma você será amada, terá oportunidades, fugirá da fofoca, trabalhará, dará o seu melhor, ajudará no que pode, sempre fazer mais do que você é pago para fazer, os grandes profissionais fazem mais do que o combinado. O profissional médio faz apenas o que foi pago para fazer. Seja o diferencial da empresa onde você trabalha e com certeza você será o diferencial da sua empresa, se você quiser um dia ter o seu.

Valorizando sua marca pessoal

Outro ponto é que mesmo sendo empregado, trabalhe seu nome em paralelo, crie sua fanpage, instagram, youtube, faça vídeos, posturas, trabalhe seu nome em paralelo, valorize sua marca pessoal independente de onde estiver. No caso de haver uma mudança na qualidade do produto, deve-se levar em conta que,
Por exemplo: você pode dar palestras para avaliar sua marca pessoal. Quando você fala em público, você se torna uma autoridade no assunto, as pessoas vêem você de forma diferente das outras. Você pode começar a dar palestras para seus clientes, para potenciais clientes em sua cidade.

Grave vídeos sempre que puder, você provavelmente me conheceu através dos vídeos, talvez se eu não os fizesse você não me conhecesse.

Escrevo artigos, eu mesmo estou aqui expondo minhas idéias através deste artigo e divulgando meu trabalho para você. As pessoas que nunca o encontrariam de outra maneira poderão encontrá-lo e saber mais sobre você. Isso abre portas, pode trazer clientes, parceiros e oportunidades.

Por exemplo, meus vídeos me levaram para Madri e Londres. E outras oportunidades virão.

E você? Que oportunidades você deseja para sua vida profissional?

final

Quando você coloca em prática tudo o que citei neste artigo, você certamente será mais valorizado no mercado, pelos clientes, seus empregadores, por seus funcionários, por seus colegas de trabalho. Independente do seu lado onde você está. Lembre-se de que a terra é redonda e as coisas mudam. Um dia você está em uma posição e no outro dia você está em outra, então sempre valorize o ser humano e os relacionamentos e coloque-os na frente dos ganhos financeiros, que são muito importantes, mas não pode ser a prioridade. A prioridade é pessoas.

Lembre-se que o cliente é o motivo de viver para a sua empresa, ele é aquele que põe pão na sua mesa, traz o leite para os seus filhos, então ele tem que ser respeitado, reverenciado e vice-versa. Você, como prestador de serviços, também tem seu valor, portanto, valorize e não aceite nada. Quem é mais importante? O mais importante não é o cliente ou o provedor de serviços, mas o relacionamento com o consumidor e esse relacionamento sempre devem ser priorizados. Sempre faça algo que seja justo, bom para você e bom para o cliente.

E como Lair Ribeiro diria: Sucesso não acontece por acaso.

Leave a Response